As criptomoedas ganham espaço no mercado

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

As criptomoedas estão ganhando espaço no mercado. Por sua fama, as pessoas procuram, cada vez mais, conhecer e entender o que é e como funcionam essas moedas digitais.

Antes de mais nada, você precisa entender o que é uma criptomoeda.

É, portanto, um código virtual que pode ser convertido em valores reais, com liberdade de circulação e independência dos bancos, onde você pode fazer transações mais eficientes pela internet.

Portanto, a ideia é que as criptomoedas possam abrir espaço para que mais pessoas possam financiar e negociar dentro deste mercado.

Deste modo, esse novo mercado existem uma grande quantidade de criptomoeda, a mais valiosa e conhecida é a Bitcoin. Essa moeda consegue movimentar milhões de dólares em um único dia.

Como adquirir essa moeda?

Existem 3 formas de adquirir essa moeda, comprando, recebendo e minerando.

Para comprar Bitcoins no Brasil, basta se cadastrar em sites que trabalham com criptomoedas, enviar reais, via transferência bancária, e comprá-los.

Portanto, para receber, basta negociar ou aceitar na sua empresa a bitcoin como forma de pagamento.

Ou, minerar. Disponibilizando computadores para manter a rede que controla a moeda. Deste modo, a mineração
é mantida em funcionamento, por meio da estrutura descentralizada da moeda.

A G44 Brasil, uma holding empresarial confiável, trabalha com a gestão de empresas, uma delas são as que trabalham com criptomoedas. Conheça nossa plataforma no site da G44.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

26 Comentários
  1. […] são usadas para efetuar pagamentos no território virtual e também no físico. O que dá a essas criptomoedas e as demais que estão por vir – um ambiente promissor para ampliar-se e efetuar grandes […]

  2. […] é exatamente por isso que as criptomoedas surgem como uma brilhante alternativa para proteger seu dinheiro da desvalorização e de crises […]

  3. […] até então muito distantes, de comprar uma casa, viajar, e, principalmente, de ter a independência financeira”, […]

  4. […] Japão, desde abril deste ano, está em vigor um marco regulatório para moedas digitais que prevê a exigência de obtenção de licença para exchanges operarem. “Queremos copiar o […]

  5. […] Cardano possui um sistema de validação de transações conhecido como Proof-of-Stake. Nas demais moedas, temos o modelo Proof-of-Work e, mais especificamente no caso do Bitcoin, estima-se que o custo […]

  6. […] janeiro deste ano, comemoramos os quatro anos da Dash, uma criptomoeda com capacidade de auto-governança, auto-financiamento e que usa, em sua forma de […]

  7. […] contrário das moedas físicas, as moedas digitais na economia mundial representam acessibilidade. É mais fácil para pessoas comuns comprarem esse […]

  8. […] previsões podem ser feitas a respeito desse dinheiro digital. A principal é que dificilmente as criptomoedas permanecerão alheias a governos e bancos com o passar do tempo. Conforme elas ganham mais […]

  9. […] que está tudo certo e garantido, evidentemente, mas é importante pontuar que enquanto muitas moedas neste mercado se mostram bastante instáveis e voláteis a ICONOMI tem estabelecido um certo […]

  10. […] significa “moeda de dígito binário” cujo o nome faz jus a criptomoeda que mudou a história da economia. Com […]

  11. […] nódulos, os chamados full nodes de mineração da rede. Este processo de atualização simples de criptomoedas, à semelhança de qualquer sistema cibernético, chama-se Soft […]

  12. […] Infelizmente, existem criminosos tão especializados que conseguem provocar prejuízos em sistemas tão complexos como o de criptomoedas. […]

  13. […] das grandes vantagens das criptomoedas é o fato de que elas não são regulamentadas e fiscalizadas por nenhum órgão ligado ao governo […]

  14. […] das grandes vantagens das criptomoedas é o fato de que elas não são regulamentadas e fiscalizadas por nenhum órgão ligado ao governo […]

  15. […] criptomoedas são moedas mineradas através de computadores específicos, que obtêm os lucros ao resolverem […]

  16. […] criptomoedas são mineradas e mantidas através de um sistema muito eficaz e seguro. No entanto, é inegável […]

  17. […] criptomoedas são moedas mineradas através de computadores específicos, que obtêm os lucros ao resolverem […]

  18. […] tradicionais. Então, se existem essas falácias e se existe essa bipolaridade em relação ao mercado financeiro, também é culpa da falta de educação […]

  19. […] quer começar a operar no mercado financeiro, não, não é diferente, você também precisa estudar. Mas ainda assim é diferente. […]

  20. […] mercado financeiro já aceita amplamente as criptomoedas, contudo para o público em geral elas ainda […]

  21. […] quer começar a operar no mercado financeiro, não, não é diferente, você também precisa estudar. Mas ainda assim é diferente. […]

  22. […] tradicionais. Então, se existem essas falácias e se existe essa bipolaridade em relação ao mercado financeiro, também é culpa da falta de educação […]

  23. […] sendo, a seguir nós vamos falar sobre moedas digitais na economia mundial e seu verdadeiro impacto! Desse modo você vai conseguir entender melhor sobre […]

  24. […] fork é uma aplicação mais branda no protocolo de uma criptomoeda, a qual por sua capacidade é […]

  25. […] ousada proposta da Steem espera criar um mercado interligando empreendedores, bloggers, vendedores, líderes de comunidades, […]

  26. […] ano corrente com certeza vai consolidar o Bitcoin como um instituição. No passado era um mercado muito seleto, obscuro e composto por poucas pessoas. A fase atual, diferentemente, já possui certa […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Mais informação